Carros elétricos, presente ou futuro?

Carros elétricos, presente ou futuro?
Carros elétricos, presente ou futuro?

Os carros elétricos já estão inseridos no mercado automobilístico mundial. Todavia, há muito a ser melhorado, e os esforços para isso são colossais.

Várias montadoras entraram na produção de veículos elétricos, assim como na produção de automóveis que usam gás natural como combustível. Um dos maiores motivos para isso, aliás, é a enorme poluição que os combustíveis fósseis causam ao planeta.

Embora nossa tecnologia evolua a passos largos, há muito a ser feito nesse campo.

Neste conteúdo, vamos apresentar um panorama completo dos carros elétricos. Leia até o final!

Como um carro elétrico funciona?

Um carro elétrico usa eletricidade ao invés de combustíveis fósseis – ou derivados da cana-de-açúcar. Dessa forma, ele possui um sistema completo abastecido apenas por corrente elétrica, que inclui até mesmo seus motores.

Há, também, os carros híbridos, que fazem uso tanto de combustíveis convencionais quanto de eletricidade. Essa tecnologia veio solucionar um problema dos países de terceiro mundo: a falta de malhas elétricas de qualidade.

O uso parcial de eletricidade já é um grande avanço quanto ao uso total de combustíveis fósseis, no que tange à poluição ambiental.

Como foi a evolução dos carros elétricos?

Os primeiros carros elétricos não tinham um bom alcance por carga. Além disso, precisavam de longas horas de recarga, tornando inviável seu uso cotidiano pela população.

Com o tempo, novas tecnologias de baterias foram desenvolvidas, aumentando cada vez mais o alcance desses veículos.

A tecnologia de híbridos surgiu para aproveitar o trabalho do motor convencional, de forma a carregar as baterias enquanto o veículo está em movimento. Assim, quando é cabível, usa-se essa energia armazenada para propelir o carro, acarretando economia de combustível.

Quando comparamos as tecnologias modernas às encontradas num período de 10 anos, vemos que os avanços são fantásticos. Então, tudo indica que o futuro será moldado pelos carros elétricos.

Qual a situação da tecnologia hoje?

Como era de se esperar, a tecnologia de carros elétricos está bastante avançada. No caso, a média de alcance desses veículos está na faixa dos 160 km, um valor interessante, dado que um cidadão médio anda cerca de 80 km por dia.

Porém, não foi só o alcance que melhorou: os tempos de recarga estão mais curtos, e a vida útil das baterias, mais longa.

Uma recarga completa leva cerca de 8 horas, mas pode demorar até 12 horas, a depender do modelo. Porém, alguns fabricantes têm sistemas de carregamento rápido, que podem encher 80% da bateria em 30 minutos.

Quais são os próximos passos?

A maioria das empresas tem como objetivos otimizar o tempo de recarga e a duração das baterias dos veículos. A eficiência energética e a potência dos motores já possuem um alto padrão, chegando a superar até mesmo os motores convencionais.

Sem dúvidas, o maior problema é o alcance das baterias.

Embora haja carros que consigam mais de 500 km de autonomia, esse valor ainda não agrada os consumidores. A ideia de o veículo parar no meio da estrada por falta de eletricidade é assustadora – ainda mais com a necessidade de postos de abastecimento especiais.

No entanto, com certeza teremos muitas novidades nesse mercado, e soluções para esses problemas não vão faltar. O futuro é realmente muito promissor para essa tecnologia.

Quer conhecer um pouco mais da tecnologia nos empreendimentos Dimensão? Dá uma olhada nesse post.

A felicidade mora nos detalhes.